Pe. Ronnes: um entusiasta da Pastoral do Dízimo

O padre José Ronnes, da paróquia São Francisco de Assis, em Fátima, no interior da Bahia é mais um daqueles sacerdotes que se entusiasmam pelo dízimo. Ele participou da Assembléia anual do MEAC que, este ano, comemorou os 40 anos de atividades do grupo no Brasil, realizada no mês de janeiro em Dias D’Ávila (BA). Em email à diretoria, padre Ronnes comentou que tem o desejo de realizar um amplo trabalho de animação da pastoral do dízimo em sua paróquia. Afirmou que já promoveu um encontro com as lideranças de todas as 35 comunidades paroquiais no qual distribuiu os materiais de formação para agentes do dízimo. Acredita que o trabalho, mesmo que seja feito de forma lenta e gradual, não pode deixar de ser realizado, uma vez que na comunidade Matriz daquela paróquia o dízimo já é uma realidade que começa a dar seus primeiros frutos. A atitude de padre Ronnes é mostra de que o clero, cada vez mais, está disposto a investir na pastoral do dízimo para que, através do trabalho de evangelização proposto por essa pastoral, as pessoas descubram o real sentido de “ser” Igreja.

Compartilhar:

Compartilhar:

Mais conteúdo

AUDIÊNCIA GERAL 28/02/24

O texto a seguir inclui também as partes não lidas que são igualmente consideradas como pronunciadas: Catequeses. Os vícios e as virtudes. 9. A inveja

É BOM ESTARMOS AQUI

Algo que dá sentido à vida humana é a compreensão de quanto esta é bela. Melhor ainda quando essa descoberta vem acompanhada por uma revelação

AMIZADE E FRATERNIDADE

Parece-me um tanto forçado o termo Amizade Social num contexto de fraternidade cristã. Porque a boa notícia que nos trouxe os Evangelhos é exatamente o

AUDIÊNCIA GERAL 14/02/24

O texto a seguir inclui também as partes não lidas que são igualmente consideradas como pronunciadas: Catequeses. Os vícios e as virtudes. 8. A acídia

Enviar Mensagem