REVISTA CALENDÁRIO 2005

REVISTA CALENDÁRIO 2005

Como dizimista, o católico cumpre um dever com sua comunidade, que supõe o cumprimento de todos os outros.
O dízimo e a partilha diminuem o total de dinheiro em seu bolso, mas aumenta a riqueza de seu coração.
Dízimo:compromisso consciente, alegre, generoso com sua comunidade.
Não se sinta obrigado a contribuir com o seu dízimo: sinta-se convidado.
O Dízimo assina nossa presença ativa na comunidade: “podem contar comigo!” Sou dizimista porque me sinto membro comprometido e ativo de minha comunidade.
Não peça o dízimo a quem não tem fé, a quem não pratica, a quem não participa.
Evangeliza primeiro, carinhosamente.
O dízimo é o reflexo da vida cristão de uma comunidade.
Dízimo é amor.
É por isso que, quanto mais partilhamos, mais temos.
A prática do dízimo une a comunidade.
Dízimo é a prática da partilha iluminada pela fé.
O dízimo deve ser visto como opção pastoral permanente, não como campanha financeira temporária.
O dízimo é a resposta definitiva para manter as finanças da Igreja, com profundos resultados pastorais.

Compartilhar:

Compartilhar:

Mais conteúdo

É BOM ESTARMOS AQUI

Algo que dá sentido à vida humana é a compreensão de quanto esta é bela. Melhor ainda quando essa descoberta vem acompanhada por uma revelação

AMIZADE E FRATERNIDADE

Parece-me um tanto forçado o termo Amizade Social num contexto de fraternidade cristã. Porque a boa notícia que nos trouxe os Evangelhos é exatamente o

AUDIÊNCIA GERAL 14/02/24

O texto a seguir inclui também as partes não lidas que são igualmente consideradas como pronunciadas: Catequeses. Os vícios e as virtudes. 8. A acídia

 A CRENÇA NOS MILAGRES

É impressionante, mas bem antes de Jesus, desde sempre e até os dias atuais, basta um farfalhar, um burburinho qualquer anunciando milagres… lá está o

Enviar Mensagem