Toma possa nova secretária geral do CONIC

Ao tomar posse na função de secretária geral do Conselho Nacional de Igrejas Cristãs do Brasil (Conic), a pastora luterana, Romi Márcia Bencke, deu andamento ao seu primeiro ato oficial: convidou os 18 representantes regionais do organismo ecumênico a refletirem sobre o diálogo inter-religioso para que a Comissão Teológica possa emitir documento a respeito do tema até abril de 2013. Pastora Romi foi empossada na celebração ecumênica oficiada na sexta-feira, 30 de novembro, na Paróquia São José Operário, em Brasília, e que contou com a participação de autoridades religiosas, civis, representantes de entidades sociais, amigos e convidados. Na homilia, o presidente do Conic, dom Manoel João Francisco, frisou a importância de se cultivar uma fé sólida, mas baseada na compreensão e na aceitação do outro, no amor ao próximo e na valorização das diferenças. “A diferença é uma fonte de riqueza na busca da verdade”, disse, destacando que a entidade que preside quer ampliar a participação de Igrejas no quadro de membros. Participaram da celebração ecumênica, além da diretoria, presidentes e bispos das igrejas membro do Conic, a assessora da Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República, Marga Ströher; o secretário executivo do Conselho Latino-Americano de Igrejas, Darli Alves; a vice-presidente nacional do Partido do Movimento Democrático Brasileiro (PMDB) Mulher, Regina Perondi; a assessora do Centro de Estudos Bíblicos, Mônica de Souza; o assessor da Secretaria Geral da Presidência, do Departamento de Diálogos Sociais, Alexandre Brasil, que na oportunidade representou o ministro Gilberto Carvalho; a coordenadora do Servindo aos Pastores e Líderes (SEPAL), Ilaene Schüler, o secretário executivo do Conselho Indigenista Missionário, Cleber Buzatto; o facilitador da Rede Ecumênica da Juventude, Lucas Correa, e o coordenador do Movimento de Educação de Base, padre Gabriele Cipriani.

Compartilhar:

Compartilhar:

Mais conteúdo

CASA DA SOGRA

Não há como fugir da curiosidade que o título aqui desperta. Por experiência, definição, ironia, crítica ou mesmo rejeição, sabemos que a casa da sogra

DEMÔNIOS QUEREM NOS DESTRUIR

Tem gente que não acredita em Deus, mas teme os demônios. Tem gente que faz pacto com demônios, mas ignoram os pactos que Deus fez

AUDIÊNCIA GERAL 24/01/24

O texto a seguir inclui também as partes não lidas que são igualmente consideradas como pronunciadas: Catequeses. Os vícios e as virtudes. 5. A avareza

O TEMPO É AGORA

O grande desafio que o cristianismo propõe ao mundo é encarar a realidade do tempo presente. Seja este bom ou ruim, o fato é que

Enviar Mensagem